Curiosidades, Manual da Vida

Conheça Clingstone, a casa isolada construída sobre a rocha

Situado no topo de uma pequena ilha rochosa na Baía de Narragansett, perto de Jamestown, Rhode Island, nos Estados Unidos, existe uma mansão de três andares construída por Joseph Lovering Wharton em 1905.

Wharton havia construído a casa como um ato de desafio depois que o governo apreendeu sua terra e casa de verão que ele tinha na área de Fort Wetherill no sul de Jamestown, no final de 1800.img_ (1)

Irritado por ter sido expulso de sua propriedade, Wharton decidiu construir uma casa onde ninguém poderia incomodá-lo, e Clingstone surgiu.

Uma fonte afirma que o nome “Clingstone” foi sugerido quando alguém comentou que era “um pêssego de uma casa”. Clingstone é um termo botânico para os frutos que tem uma pedra ao invés de sementes dentro. Ou talvez, o nome é uma referência ao modo como a casa se fixa à rocha.

Apesar da sua localização perigosa no mar, Clingstone conseguiu sobreviver por mais de cem anos, resistindo inúmeras tempestades e furacões. Originalmente havia um longo cais de pedra com anéis e barras de ginastas, mas foram destruídos pelo Grande Furacão de 1938.img_ (2)

A casa em si, que fica apenas a 20 pés acima do nível do mar, sobreviveu com danos mínimos. O atual proprietário de Clingstone, Henry Wood, um primo distante da Wharton, visita regularmente a casa com seus três filhos adultos para assistir aos furacões anuais em ação.

Henry Wood, que é um arquiteto de Boston, tinha comprado a casa em 1961. Ele estava desabitada por duas décadas após a morte da viúva de Wharton em 1941. Quando Wood a adquiriu, a casa estava numa condição decadente com toda as suas janelas quebradas, os pisos podres e coberto com fezes de pombos, e o telhado tinha desaparecido.

Hoje, a casa tem 23 cômodos, incluindo 10 quartos e cinco banheiros. Visível a partir da costa, a casa é conhecida pelos habitantes locais como “A casa sobre a rocha”.

img_ (3) img_ (4) img_ (5) img_ (6) img_ (7) img_ (8) img_ (9)