Conheça a estrada da morte, no Iraque [18+] Imagens fortes

Vinte e cinco anos atrás, um dos massacres mais brutais da história de guerra ocorreu no Iraque, ao longo da Estrada 80, cerca de 32 km a oeste da cidade de Kuwait.

Na noite de 26-27 de fevereiro de 1991, milhares de soldados e civis iraquianos estavam recuando para Bagdá, depois de que um cessar-fogo foi anunciado, quando o presidente George Bush ordenou que suas forças abatessem o exército iraquiano em retirada.

Aviões de combate das forças da coligação descerem sobre o comboio desarmado e desativaram os veículos, de modo que eles não podiam mais escapar. Em seguida, onda após onda de aeronaves destruíram os veículos presos por horas a fio.

Quando a carnificina terminou, cerca de 2.000 veículos iraquianos mutilados e corpos carbonizados e desmembrados de dezenas de milhares de soldados iraquianos jaziam por milhas ao longo do que veio a ser conhecido como a “Rodovia da Morte”. Centenas de corpos também estavam espalhados ao longo de outra estrada que leva a Basra. As cenas de devastação sobre estas duas estradas tornaram-se algumas das imagens mais conhecidas da Guerra do Golfo.img (1) img (2) img (3) img (4) img (5) img (6) img (7) img (8) img (9) img (10) img (11)