5 coisas que você precisa saber sobre o transporte e seus efeitos nas mudanças climáticas

1 – De acordo com o Greenpeace Brasil, a queima de combustíveis fósseis é responsável por aproximadamente 22% do gás carbônico que é lançado para a atmosfera, contribuindo diretamente para o aumento da intensidade do efeito estufa e consequentemente para o aquecimento global.

2 – De todo o combustível fóssil queimado por fatores relacionados à vida urbana, o transporte representa 44%. Mais até mesmo que a indústria, responsável por 32% da queima de combustíveis fósseis.

3 – Segundo estimativas de 2013, o Brasil possui 200,4 milhões de habitantes e uma frota de 91,7 automóveis de todos os tipos. Isso significa que existe um automóvel a cada 2,1 brasileiros. Pensando desta forma, não é difícil entender o motivo pelo qual o transporte se torna cada dia mais um grande vilão para o meio ambiente.

4 – Segundo um relatório do Painel Brasileiro de Mudanças Climáticas, as emissões de de Gases de Efeito Estufa (GEE) podem aumentar em 130% até 2020, comparado com os índices do ano 2000, caso as condições atuais do transporte urbano. E isso pode ter efeitos catastróficos para o nosso meio ambiente.

5 – Todos precisam fazer a sua parte em todos os setores para diminuir a emissão de gases poluentes e frear o aquecimento global. Quando o assunto é transporte, por exemplo, trocar seu carro particular por um ônibus, trem ou outro transporte público pode ser uma boa alternativa. No entanto, para que isso seja realmente efetivo, é necessário que os municípios, estados e a federação ofereçam serviços de qualidade para a população, além de garantir segurança, para que o transporte público possa ser utilizado sem maiores preocupações.