O povo do norte que se protege de avalanches com uma grande muralha



Flateyri é uma pequena vila de pescadores localizada em uma estreita faixa de terra à beira do mar na pitoresca cidade de Westfjords, no noroeste da Islândia.

A aldeia de apenas 300 habitantes tem sido um entreposto comercial desde 1792 e viu seu apogeu no século 19, quando se tornou um importante centro de caça à baleia e tubarão. A indústria pesqueira tem sido vital para a região, bem como o sucesso turístico que tornou a vila um destino muito popular para os pescadores estrangeiros.

Como tantas aldeias islandesas, Flateyri está localizada à beira-mar, na base de uma montanha íngreme e sem árvores, chamada Skollahvilft. A montanha é muito íngreme e habitualmente permanece coberta de neve durante grande parte do ano, tornando-se suscetível a avalanches. No entanto nenhum grande incidente ocorreu, até uma manhã de outubro em 1995.

Eram 4:00h no dia 27 e os moradores de Flateyri estavam dormindo. De repente eles foram acordados por um barulho ensurdecedor de gelo, rochas e neve desabando montanha abaixo. Dezessete casas foram soterradas. Os residentes locais imediatamente fizeram partiram para resgatar as vítimas, mas a neve tinha apagado todos os pontos de referência e eles tiveram problemas para localizar onde as casas eram. A escuridão tornou as coisas ainda piores e infelizmente vinte pessoas foram mortas naquele dia.

Devido as diversas avalanches ocorridas durante os anos, em 1998, uma parede de terra em formato de “A” foi construída para proteger Flateyri de avalanches futuras. A estrutura consiste de duas barragens de desvio que formam uma estrutura em forma de “A” montanha abaixo. As paredes possuem 600 metros de comprimento e 15-20 metros de altura.

Apenas um ano após a barragem foi concluída, e em fevereiro de 1999 uma grande avalanche desabou no lado oriental da barragem e foi para o mar. A aldeia foi salva. No inverno seguinte, em março, outra enorme avalanche bateu na parede ocidental e a aldeia foi protegida novamente. Outras avalanches menores ocorreram desde então e em todas a parede salvou a aldeia. Que continue assim!img_ (1) img_ (2) img_ (3) img_ (4) img_ (5) img_ (6) img_ (7) img_ (8) img_ (9) img_ (10)


avalanchemuralhamuralha protege povoado de avalanchepovo do norte que se protege de avalanche com muralha